Techinter

SSD ou HD, qual é o melhor? Diferenças, vantagens e testes

Qual é o melhor, SSD ou HD? Descubra quais são as principais diferenças, vantagens e desvantagens entre os dois componentes de armazenamento. Veja também o teste de desempenho.

Atualizado há 3 dias, publicado em
Lucas Matos
SSD ou HD - Qual o melhor em desempenho
SSD ou HD - Qual o melhor em desempenho

Se você estiver pensando em aumentar o seu espaço de armazenamento (disco local C:) ou ainda acabar de vez com a lentidão do seu PC, veio ao lugar certo: Estamos muito acostumados com os discos rígidos (HDs), que, como a maioria já sabe, servem para armazenar todos os programas e dados que o seu computador utiliza, mas atualmente um novo componente vem ocupando o espaço dos HDs por ser mais eficiente, mais leve e pequeno. Hoje, mostraremos qual vale mais a pena, um SSD ou HD, confira as diferenças, vantagens e teste de desempenho:

SSD ou HD, quais as semelhanças e diferenças entre os dois?

A única semelhança entre os dois dispositivos é a sua função, ou seja, a capacidade de armazenar dados, arquivos e programas de forma permanente contanto que não haja alteração ou exclusão por parte do usuário. Tanto um quanto outro pode ser utilizado para a expansão da memória primária, usando parte do armazenamento para transformar em memória virtual que, geralmente, é utilizada quando não há RAM suficiente e para alocar dados de programas em segundo plano.

SSD ou HD qual o melhor e por que devo comprar?
SSD ou HD qual o melhor e por que devo comprar?

Já as suas diferenças podemos listar inúmeras. Assim como qualquer tecnologia, hardwares estão em constante evolução e aperfeiçoamentos, transformações fazem parte da busca do melhor desempenho e com os HDs não seria diferente. A sua parte mecânica está sendo substituída por circuitos e memórias Flash que, apesar de servirem para o mesmo propósito, funcionam de formas bem diferentes, sendo mais rápidas e eficientes na hora de guardar seus dados.

Essa mudança brusca de componentes também influenciou no tamanho dos SSDs, tornando-os menores e muito mais leves. Enquanto um HD pode chegar ao tamanho físico de 3,5 polegadas, o SSD comum chega a 2,5 e um do tipo M.2 SATA pode ser ainda menor. Além disso, por conta da estrutura mecânica dos HDs há um aumento da temperatura durante o seu uso e maior fragilidade.

Vantagens e desvantagens do HD

SSD ou HD: Vantagens e desvantagens do disco rígido (disco duro)
SSD ou HD: Vantagens e desvantagens do disco rígido (disco duro)

Com o surgimento dos SSDs no mercado os HDs passaram a custar ainda menos e isso é uma vantagem muito grande, principalmente quando se compara o valor pago por cada GB. Enquanto 1 GB no SSD mais simples sai em torno de 83 centavos, no HD você só pagaria 22 centavos por GB de armazenamento – aproximadamente, 4 vezes mais barato.

A leitura e escrita de dados no HD é realizada por cabeçotes (conhecidos também por agulhas), que possuem braços para acessar áreas do disco no qual seus dados estão gravados. Existem dois tamanhos de HD, um para desktops e um menor para notebooks. Este possui o tamanho aproximado de um SSD simples SATA, em contrapartida, a sua leitura é mais lenta comparada ao modelo maior. Infelizmente, toda essa estrutura não ajuda em nada no desempenho, pois existe uma latência dos movimentos do cabeçote e do número de voltas por segundo que o disco pode realizar (RPM), gargalando todo trabalho do processador e deixando a máquina mais lenta.

Todas essas partes mecânicas, além de deixarem o desempenho lento, aumentam o consumo de energia e isso é péssimo para os notebooks, já que diminui a duração da bateria.

Agulha (cabeçote) arranhando o disco físico do HD.jpg
Agulha (cabeçote) arranhando o disco físico do HD.jpg

E para completar, o HD é tão frágil que até a vibração do carro pode danificá-lo, já que o cabeçote passa a tremer em seu interior podendo ficar travado. Além desse risco, a agulha pode arranhar o disco causando estragos irreversíveis como na foto acima.

Vantagens e desvantagens do SSD

SSD ou HD: Vantagens e desvantagens da unidade de estado sólido
SSD ou HD: Vantagens e desvantagens da unidade de estado sólido

Existem vários tipos de conexões e formatos de SSDs, fizemos até um artigo que mostra a diferença entre eles: o que é SSD e quais são os tipos de conexões e formatos? Apesar de você ficar meio perdido na hora de escolher, isso se torna mais vantajoso já que existem mais opções de conexões, alguns modelos são mais compactados sendo ideais para notebooks e ainda permitindo manter o HD trabalhando ao lado de um SSD, sem a necessidade de substituição.

A velocidade é a sua principal vantagem, o SSD realiza o trabalho em questão de segundos, sendo até 15 vezes mais veloz do que os HDs e ainda com temperaturas mais estáveis, justamente por conta do menor consumo de eletricidade.

O SSD também não emite nenhum tipo de barulho ou ruído, pois não existe nenhuma peça se mexendo em seu interior, diferente dos HDs.

A única desvantagem que podemos encontrar no momento, mas que já está prestes a ficar no passado, é o preço mais elevado – 240 GB custa em torno de 250 reais, o mesmo valor de um HD de 1TB.

Desempenho: SSD ou HDD, qual o melhor?

Abaixo, veja um vídeo que compara o desempenho do SSD frente ao HD:

Teste de desempenho: HD vs SSD – Qual o mais rápido?

É gritante a diferença entre o SSD e o HD. A inicialização do Windows se torna muito rápida e leva poucos segundos até exibir a área de trabalho com todos os aplicativos de fundo carregados.

Você não precisa jogar o seu HD no lixo

Existem alguns casos que devem ter atenção na hora da compra de um SSD, um deles é se você possui notebook ou desktop. Já adiantamos que em ambos será necessária a instalação de um SSD caso queira extrair desempenho máximo da sua máquina, porém deve conferir se o seu computador possui conexão M.2 que auxilia no aumento de espaço em disco sem a necessidade de substituição do HD (sendo possível manter um SSD M.2 junto com o HD de fábrica do aparelho). Entretanto essa tecnologia pode ser ainda mais cara do que um SSD simples SATA e sua instalação requer maior conhecimento.

Case para disco rígido – Transforme o seu HD de notebook em externo

Agora, se você tem um notebook mais antigo que só possui conexão SATA II, nossa recomendação é que instale o SSD no lugar do seu HD e compre um case para transformá-lo em um dispositivo de armazenamento externo.

Há também a possibilidade de você usar o SSD no formato PCIe nos desktops, isso lhe daria uma leitura de até 4 GB/s, mas atente-se ao espaço ocupado pela placa de vídeo.

Caso queira saber mais, fizemos um artigo detalhado sobre todos os tipos de SSDs vendidos no mercado e qual você deve escolher: o que é SSD, quais os tipos, vantagens e para que serve?

Troque o seu HD o quanto antes por um SSD

SSD vs HD: Faça a troca por um SSD o quanto antes, caso queira o máximo de desempenho

Mais uma vez, vale listar alguns dos benefícios da instalação de um SSD:

  • Sua máquina ganha tempo no carregamento/armazenamento de dados e programas,
  • Consumo menor de energia;
  • Faz menos barulho;
  • Deixa super-rápida a inicialização do Windows,
  • Evita travamentos e lentidão do sistema.

Levando em conta todas as vantagens de um SSD (e os muitos pontos negativos do HD), pode-se afirmar que o seu uso é indispensável, é uma daquelas tecnologias que você se recusa a acreditar de imediato, mas, quando instala no seu computador, passa a questionar o motivo de não ter feito isso antes.

Se você tiver a possibilidade de comprar um SSD, o seu computador terá uma performance muito superior à atual, já que estaria eliminando um grande gargalo no seu sistema. Por isso, recomendamos que faça a instalação no seu PC o mais rápido possível, garantimos que não vai se arrepender.

E caso esteja se perguntando qual modelo compra, veja a nossa lista sobre o melhor SSD para cada tipo de usuário.

Lucas Matos

CEO e Editor-chefe

CEO, Fundador do Techinter e Redator Chefe. Estudante de Engenharia Civil e dono de um micro e-commerce de eletrônicos. Viciado em tecnologia, games, filmes e música boa.